Bitcoin pode salvar economias em colapso?

Historicamente a falta de disciplina com a oferta monetária levou várias economias ao colapso como a história da hiperinflação brasileira e a atual hiperinflação venezuelana

Recentemente acompanhamos a notícia da hiperinflação venezuelana que levou a destruição da moeda corrente. O fato tem levado a economia ao colapso e a população à miséria, vamos entender o papel do Bitcoin nessas situações.

A importância do preço

Em uma economia saudável é importante a presença de uma moeda forte para informar o preço aos produtores. Então aonde o preço é mais alto, a demanda é mais alta, levando ao direcionamento da distribuição dos produtos na economia.

Sem preços bem definido os produtores simplesmente não tem conhecimento sobre a demanda por produtos. Portanto nesse caso, esforços de produção são desperdiçados levando a problemas de abastecimento, consequentemente à miséria.

Já passamos por esse problema no Brasil com a hiperinflação e congelamento de preços. A falta de referência de preços levou a problemas de abastecimento, para piorar, não havia alternativas à moeda estatal.

Estivemos próximos de ter uma economia baseada em escambo. Recentemente, na Venezuela, o problema da hiperinflação apodreceu a moeda destruindo completamente seu valor. Então a moeda passou a valer menos que o papel usado para fabricá-la.

Hoje temos o Bitcoin

Ao apodrecer a moeda e levar a economia rapidamente para o colapso, o que levou à procura por outra moeda. Normalmente tenta-se recorrer ao dólar para ser usado como moeda, porém a ditadura reprime fortemente a prática.

Então o interesse por criptomoedas para ser usado como meio de troca e unidade de conta cresceu. Diferentemente do dólar, as criptomoedas são acessíveis. Então houve um movimento no sentido de adotar criptomoedas em detrimento da moeda estatal.

O McDonald’s venezuelano passou a aceitar Bitcoin como pagamento. O interesse pelo Bitcoin é crescente à medida que a moeda estatal enfraquece. Até mesmo houve um protótipo baseado em rede mesh para facilitar as transações.

O problema de abastecimento de energia elétrica deixou os venezuelanos offline. Então surgiu um protótipo que permitiria transações em Bitcoin sem depender de uma conexão direta com a internet.

O Bitcoin se torna mais forte à medida que moedas estatais apodrecem, e torna o sistema financeiro acessível. Então hoje é uma alternativa para países que vivem a realidade de um colapso econômico causado pelo apodrecimento da moeda.

Equipe Cripto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: