Bloco gênese é o Big Bang do bitcoin?

Anúncios

Bloco gênese: Todos os blocos do Blockchain são vinculados ao bloco imediatamente anterior, leia mais e descubra sobre o vínculo do primeiro bloco.

O Blockchain é uma corrente de blocos de registro, que não tem qualquer valor isoladamente, por isso devem estar sempre unidos.

Portanto para prover confiança o registro precisa de uma fundação como referência, um início, e isso é o bloco gênese.

Assim como qualquer outro bloco, o bloco gênese armazenas registros, mas com uma característica em especial, foi o primeiro. Portanto este bloco não possui o hash de um bloco anterior, o bloco está amarrado em algo diferente.

Bloco gênese foi a fundação do Bitcoin?

O bloco gênese do Blockchain pode ser considerado o documento de fundação do Bitcoin. Portanto qualquer cópia do Blockchain, para ser válida, começa pelo bloco gênese.

Anúncios

Como funciona o Blockchain e o que é?

Versões mais recentes dos softwares dos nodes do Bitcoin já possuem o bloco gênese dentro do próprio código. Logo atualmente o bloco gênese é chamado de bloco zero do blockchain, a estaca zero da corrente.

Bloco gênese é o Deus das criptomoedas

Começando a contagem em bytes que vai de 0 a 16, o registro de 6 bytes e o registro da versão 1. Assim, a sequência de zeros indicando a gênese seguida do primeiro hash, na sequência a dificuldade de mineração igual a 1.

Posteriormente há um registro temporal de referência e então a mineração inicia-se. Então os primeiros Bitcoins foram descobertos sendo a recompensa de 50 Bitcoins por bloco.

Ao final da mineração, os primeiros 50 Bitcoins estavam descobertos e registrados na primeira carteira. Então já no bloco gênese há registro de transações para poder registrar a primeira remessa da oferta monetária do Bitcoin.

O bloco gênese difere dos blocos posteriores apenas por não começar o registro pelo hash do bloco anterior. O espaço reservado para o hash, os primeiros 16 bytes, não contém um hash, mas a contagem de 1 a 16.

Bitcoin Genesis Block

The Times 03 de Janeiro de 2009

Chancellor on brink of second bailout for banks, capa do jornal The Times em 03 de Janeiro de 2009.

Foi com esta a manchete no dia em que o bloco gênese foi minerado. Portanto o bloco gênese é referenciado em um marco histórico.

The Times – 03/Jan/2009

A manchete do The Times relata uma das consequências da crise imobiliária de 2008. A inundação do mercado com crédito fácil e barato para pessoas que claramente não tinham condições de pagar.

Na época, existia uma piada em que uma pessoa tropeçava e saia com um financiamento imobiliário milionário. Portanto o evento não teria final feliz, a insustentabilidade financeira traria para o mundo a maior crise desde 1929.

Muitas pessoas afirmam que bancos são instituições financeiras que aparentemente nunca tem dificuldades financeiras e nunca vão à falência.

Porém isso não é verdade, bancos são empresas em busca do lucro e estão suscetíveis a dificuldades financeiras e falência.

Informar dificuldades financeiras de algum Banco publicamente é considerado crime contra o sistema financeiro. Além disso quando bancos estão em dificuldades financeiras é muito comum receberem ajuda de governos para não quebrarem.

A conta é paga por todos aqueles que estão inseridos na economia do país, pelo fato todos serem contribuintes. Portanto não é possível escapar de pagar as contas dos bancos que você nem soube que estiveram com dificuldades.

Bancos são salvos pelo governo

A impossibilidade de não fugir de crises financeiras acontecem justamente pela utilização da moeda fiduciária de curso forçado. Então esta pode ter sido a motivação da criação do Bitcoin registrando a manchete como referência para a posteridade.

Não é de se estranhar que o Bitcoin seja tão mal falado no mercado financeiro tradicional e autoridades governamentais. Então o Bitcoin representa uma ameaça ao poder de controle do sistema financeiro por bancos e governos.

O Bitcoin é uma proposta de um sistema pagamentos entre iguais evitando abusos de autoridades e governos. Portanto no Bitcoin todos tem controle do dinheiro, e ninguém na rede tem controle sobre o dinheiro alheio.

A manchete está registrada no bloco gênese do Bitcoin e para sempre estará para ser lembrada. Portanto no futuro as pessoas poderão ler e estranhar quão bizarro era o sistema financeiro antigamente.

Equipe Cripto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: