Criptografando

Portal das Criptonotícias

Ripple: O que é e como comprar?

No mercado desde 2011, a Ripple, ou XRP, assim como o Bitcoin, é uma criptomoeda, porém com suas particularidades.

Entre as quais taxas menores que permitem um volume maior de negociações por meio da moeda virtual.

Além disso instituições financeiras a cada mais adotam o Ripple para suas transações, tendo em vista sua segura. Também vale destacar que, além das baixas taxas, e alta segurança, o valor que se transmite pode ser maior, visto que não há limite.

Assim, permite que sistemas financeiros que antes eram tidos como obsoletos, voltem para o jogo. De modo que grandes bancos a cada dia vêm implementando ainda mais em sua rotina.

XRP nas instituições financeiras

Como sabemos, alguns sistemas bancários atuais ainda podem demandar cerca de 72h para confirmação de pagamentos. Logo, substituir isso era visto como um fator de urgência por diversas instituições financeiras.

Desse modo, a criptomoeda surgiu como solução, pois a tecnologia utilizar para sua transmissão é justamente a Blockchain. Ou seja, com a Blockchain, assim como o Bitcoin, as transações que envolvem o Ripple demanda apenas alguns segundos para se concretizar.

Tanta competência fez com que a moeda saltasse para o terceiro lugar entre as criptomoedas que possuem maior valor. Apesar da contradição de que, enquanto outras criptomoedas visam extinguir o sistema financeiro como conhecemos, a Ripple surge com a função de otimiza-los.

Dentre os bancos que já aderiram a Ripple em suas plataformas temos o Santader, da Espanha. Enquanto que em meio as financeiras que fornecem serviços de pagamentos temos a American Express dos EUA. Além deles, um seleto grupo já incorporou a Ripple em seus sistemas, como por exemplo:

Nascimento da Ripple

A Ripple nasceu em 2011 pelas mãos de Jed McCaleb, que já era famoso por construir softwares como eDonkey2000. Além desta, também foi o fundador da mt.gox a qual teve a maior movimentação de bitcoins da história.

Mesmo com ambos os projetos tendo sido encerrados, McCaleb não desistiu e fundou a OpenChain. Dentre os vários objetivos, tinha como principal a criação de uma criptomoeda que pudesse ser superior ao bitcoin, de modo a suprir suas falhas.

Porém, após desentendimento com os sócios, McCaleb saiu da OpenChain, e agora possui um projeto chamado Stellar. Posto que este é o principal concorrente da Ripple.

Atualmente, Brad Garlinghouse é o CEO da Ripple, mas tem em Chris Larsen seu principal executivo. Além disso, a empresa que antes era OpenChain, agora de se chama Ripple Labs.

Como comprar a Ripple

A forma mais segura atualmente de se comprar criptomoedas é por meio de uma boa Exchange. Isso porque elas funcionam como corretoras de moedas virtuais, e permitem a troca de dinheiro virtual pela criptomoeda.

Entre as melhores exchanges que atuam no Brasil, e tem a Ripple em seu portfólio podemos citar:

Top 19 Melhores exchanges do Brasil

Importante lembrar que antes de escolher sua Exchange analise bem as vantagens assim como as taxas. Também deve ficar atento, pois muitas empresas que se dizem exchanges são na verdade pirâmides financeiras disfarçadas.

%d blogueiros gostam disto: