Criptografando

Portal das Criptonotícias

Stablecoin: Descubra o significa esse termo

Sabemos que no universo cripto existem uma infinidade de criptomoedas, moedas digitais e também as chamadas Stablecoin.

Afinal o que é uma Stablecoin? Qual a sua finalidade? Neste post você entenderá tudo sobre o assunto. Confira.

Bitcoin nos games: Jogue GRÁTIS e ganhe criptomoedas

O que é uma Stablecoin?

Uma Stablecoin nada mais é que um tipo de criptomoeda ou token digital que utiliza-se como base o Blockchain.

Portanto, possui o seu valor no modo mais estável possível, além de ser mais aceitável pelos comércios. Enquanto as demais criptomoedas sofrem com as variações do mercado, esse ativo se mantém numa margem tranquila.

Além disso, seu valor possui interação com algum outro ativo que também possua estabilidade, como exemplo o dólar.

Contudo elas podem ser entrelaçadas com outros ativos como imóveis, ouro, moedas fiduciárias, desde que esses possuem estabilidade relativa.

Motivo de sua criação

Essa moedas foram criadas com o intuito de diminuir ao mínimo a questão de volatilidade em relação aos valores das criptomoedas.

Assim podemos dizer que elas possuem uma volatilidade maior que o Bitcoin, já que o mesmo em comparação ao USD ainda assusta muitos investidores.

Como o valor das criptomoedas depende exclusivamente da demanda e da lei de oferta, isso gera uma grande oscilação.

Portanto a Stablecoin entra em ação, pois cria um ponto de inflexão para que as criptomoedas possam ter uma adoção em maior quantidade.

Usar uma Stablecoin para que?

As Stablecoin juntam os dois mundos, estabilidade das moedas tradicionais com segurança e garantia que o Blockchain passa.

De tal forma que possam ser negociadas em qualquer lugar do mundo, pois as mesmas não possuem fronteiras. Em conclusão, uma Stablecoin passa maior segurança para os investidores, que muitas das vezes possuem incertezas sobre um investimento.

Quais as principais Stablecoins?

Abaixo fizemos uma relação com as principais Stablecoins no mercado financeiro e também como cada uma funciona. Confira:

  • Tether: Possui colaterização com o dólar em cima de uma rede Blockchain
  • TrueUSD: Seus fundamentos tem base no Ethereum e também possui colaterização com o dólar. Além disso é um Token ERC20
  • DAI: Valor será sempre pareado com o USD, contudo ela não possui uma autoridade central com as demais Stablecoins. Possui estabilidade através dos smarts contracts
  • USD Coin: É um projeto de código aberto no qual receber contribuições seja da Coinbase como da Circle. Além disso é nativa da moeda Ethereum
  • Gemini: Emitida pela exchange Gemini Trust Company LLC, possui colaterização com o dólar americano, tendo custódia com State Street Bank e Trust Company
  • Pax: Pareada também com o dólar americano, possui permição para oferecer serviços regulamentados no mercado de moedas digitais
%d blogueiros gostam disto: